Calcular frete: use a calculadora gratuita!

Preencha com as informações do frete
que deseja calcular!

Para continuar com o Cálculo de Frete, deixe seu e-mail

Prometemos não enviar spam.

Calculadora de frete - Frete com Lucro
Figura de calculadora de frete representando como calcular frete

Você sabe como calcular seu frete?

Saber como calcular frete é uma das habilidades mais importantes dentro do setor de logística e transportes. Essa rotina de cálculos, que parece simples, permite que a empresa faça um bom planejamento da distribuição de recursos, identifique a rota com melhor custo-benefício e tome as melhores decisões.

Ainda que seja uma rotina comum ao serviço de entregas, nem todos os profissionais entendem como calcular fretes. Se você está aqui, é possível que esse seja o seu caso. Então, nós convidamos você a acabar hoje mesmo com os seus problemas relacionados ao cálculo de fretes.

Conheça os cinco fatores que estão relacionados a esse cálculo.

Custos Fixos

Os custos fixos são aqueles relacionados aos veículos, aos profissionais e aos equipamentos que estão envolvidos na entrega de mercadorias, isto é, todos os custos operacionais com baixa variação durante o mês.

Peso

O peso é um fator crítico para a precificação do frete. Quanto maior o peso de uma mercadoria, maiores serão os gastos com combustível, o tempo de entrega e as taxas. Então, é sempre importante considerar este item no cálculo.

Volume

O volume da mercadoria também interfere nos custos de frete. Se uma caixa ocupa muito espaço em um caminhão, por exemplo, a empresa terá menos espaço para alocar outros itens, o que poderá exigir outro veículo.

Impostos

O transporte de produtos também está sujeito a impostos. Isso se dá principalmente quando a mercadoria atravessa a fronteira entre dois estados. Dessa maneira, não deixe de fazer a avaliação da carga tributária no seu frete.

Custo de
Armazenamento

Durante o transporte de mercadorias, os produtos podem acabar sendo armazenados em alguns locais. Isso influenciará no valor que a companhia deverá investir para garantir que o produto chegue até o seu cliente.

Não perca tempo calculando seu frete no papel. Seja produtivo com nossas
planilhas de cálculo de frete inteligentes!

E-book sobre automatização do cálculo de fretes | Calcular frete

Conheça um pouco mais sobre o assunto baixando gratuitamente nosso e-book exclusivo.

Este e-book vai mostrar para você as vantagens da automatização do cálculo de frete para o sucesso do transportador, além de mostrar os fatores que influenciam os custos de entrega. Imperdível!

Agora, você pode ter uma calculadora de
fretes na palma da sua mão!

O novo aplicativo possui uma inteligência artificial,
capaz de calcular fretes de forma mais precisa,
para você obter cada vez mais fretes com lucro.

Logo da Google Play, representando a disponibilidade do aplicativo do Frete com Lucro para calcular frete

Perguntas frequentes

  1. Calcule o frete mínimo;
  2. Conheça o custo gerado pela carga;
  3. Calcule o custo da viagem;
  4. Fique atento aos custos invisíveis (impostos, depreciação, seguros, etc.);
  5. Defina taxas adicionais (armazenamento, risco, dificuldade, restrição de trânsito, etc.).

Confira aqui a tabela de fretes da ANTT para calcular fretes por km.

Você pode calcular fretes com a calculadora do site Frete com Lucro.

Para isso, tenha em mãos as informações do frete que deseja calcular: categoria do frete, tipo de carga, sinalizar se a carga é perigosa, número de eixos e a distância (km).

Trata-se de uma solução completa para o gerenciamento dos fretes, envolvendo todas as movimentações de carga e entregas realizadas pelo negócio.

Essa solução apoia o planejamento, a execução, o controle e a tomada de decisão sobre processos relacionados ao transporte. Dessa forma, pode ser utilizada por transportadoras e por empresas, que tenham área exclusiva de transportes.

Ao calcular frete, você deve considerar os custos invisíveis, como IPVA, licenciamento e seguro de carga obrigatório. Existem também os custos com trocas de pneus, manutenção e seguro veicular etc.

Para calcular frete de forma automatizada, você pode contar com as nossas diversas planilhas, que podem ser aplicadas em diferentes situações de frete.

Elas ajudam você a definir um preço justo do frete e gerar mais lucratividade para o seu negócio.

Ao calcular valor de fretes, a cubagem é usada como uma lei da física em que o volume de um objeto é possível ser constatado por meio da seguinte fórmula: comprimento x altura x largura.

É necessário usar o cálculo de cubagem para calcular fretes porque ela proporciona o equilíbrio entre a quantidade de mercadorias a serem transportadas.

Dessa forma, levando-se em conta a capacidade de cada veículo, é possível evitar espaços livres que aumentam custos operacionais e geram sobrecarga e, assim, fazer com que o transporte seja mais eficiente.

Sim, a depreciação de veículo deve ser sempre considerada ao calcular fretes. Trata-se de uma visão de longo prazo, onde o custo com a principal ferramenta de trabalho – o veículo – é considerado.

Para ganhar mais dinheiro fazendo fretes, primeiramente, é preciso buscar qualificação profissional. Trata-se de um diferencial que pode ser interessante para quem contrata os serviços.

Existem, por exemplo, qualificações para transporte de cargas perigosas, indivisíveis e cargas vivas. Existem diferenciais como direção defensiva também, por exemplo.

Outros fatores que também podem ajudar é buscar encaixar fretes de retorno – contando com uma boa rede de contatos –, otimizar as rotas e aproveitar a tecnologia, com ferramentas como o Agrega+, por exemplo, para conseguir melhores fretes.

Calcular fretes da maneira correta também garante que você aumente sua lucratividade.

Antes de tudo, descubra qual é o frete mínimo definido pela ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres). Para descobrir, é necessário acessar a Resolução nº 5.867/2020, na qual é possível se encontrar as instruções para o cálculo. A tabela de frete, por sua vez, é possível encontrar na Resolução nº 5.923/2021.

É necessário definir duas informações: o tipo de carga a ser transportada e a quantidade de eixos necessários para esse transporte.

Os coeficientes de custo de deslocamento e de carga e descarga e a distância a ser percorrida também devem ser verificados.

Embora não seja interessante cobrar apenas o frete mínimo, ele é essencial para ter êxito em um cálculo de frete, ao incluir outros fatores de custos.

Vão aí 8 dicas para você fazer os melhores fretes de retorno:

  1. Crie listas de cidades, trechos, de potenciais clientes e agenciadores de carga;
  2. Visite os Portos Secos, esses espaços que oferecem serviços de armazenagem, movimentação e despacho aduaneiro;
  3. Desenvolva atendimento para regiões com associação de empresas com atuação em um mesmo segmento;
  4. Entenda a estrutura departamental da empresa, para que você chegue na pessoa certa;
  5. Procure por embarcadores que trabalham com transporte colaborativo;
  6. Esteja sempre em contato com agenciadores de cargas;
  7. Aproveite a internet e reserve um tempinho na procura de fretes de retorno;
  8. Treine bem seus motoristas, para que ele saiba procurar e negociar bons preços.

Trata-se de um frete esporádico – eventual – que um cliente pode solicitar. Ele vale a pena quando representa uma boa fonte de lucro ao transportador e possibilidade de aumentar a receita e fidelizar clientes – embora não ofereça previsibilidade e estabilidade em relação à receita, como o tradicional.

É importante considerar os seguintes custos para calcular fretes:

  • Diárias de viagem do motorista (incluindo autônomo);
  • Seguro de Carga (RCTR-C e RCF-DC);
  • Gerenciamento de risco;
  • Generalidades (exceções que geram custos);
  • Impostos;
  • Administração do negócio (custos fixos, como aluguel, água, energia, telefone, funcionários, etc.).

A planilha de cálculo de frete é uma maneira de você calcular seus fretes de forma mais rápida e segura.

Ela já vem com todas as fórmulas aplicadas, então basta você inserir os custos, despesas e demais informações necessárias relacionadas ao frete para que consiga chegar ao cálculo correto.

A planilha de cálculo de fretes é necessária no momento de cotação. Ela é elaborada para que sua empresa tenha seus custos calculados de forma rápida e para que possa cobrar os valores corretos dos clientes.

Conheça algumas vantagens das planilhas para calcular fretes:

  • Maior produtividade;
  • Redução do tempo de espera do cliente;
  • Domínio do financeiro;
  • Aumento da geração de receitas;
  • Impactos positivos.

Para calcular frete lotação com frota própria, é preciso incluir na planilha de cálculo de frete todos os custos e despesas que o veículo terá no serviço de transporte de carga. Esta planilha conta, inclusive, com um simulador de fretes para transportadora, com custos e valores de qualquer veículo da frota, para agilizar o processo de atendimento.

Quem costuma calcular frete lotado terceirizado é o autônomo, que realiza o transporte da carga para o embarcador ou para a transportadora. Ao ser subcontratado, esse autônomo recebe o CT-e com isenção de impostos.

É interessante ter uma tabela de preço de empresas parceiras para repassar ao cliente – e também da planilha de veículos da frota, a fim de compreender qual é mais adequado a ser usado para determinado tipo de carga.

O frete fracionado com frota própria é indicado para pequenos pedidos, que serão direcionados a diferentes endereços de entrega. O cálculo de frete é baseado no peso, espaço que ocupará no veículo, distância, etc.

Para calcular este frete, é necessário encontrar o comprimento x largura x altura x fator de cubagem. Este último, para o caso de caminhões, a referência deve ser de 300 quilos para 1m³. É necessário, ainda, considerar os custos indiretos.

A planilha de frete fracionado para terceiros auxilia a calcular fretes para agilizar a cotação, ainda que exista uma tabela pronta da empresa parceira.