VOCÊ SABE O QUE É FRETE FRACIONADO DE CARGAS?

o que é frete fracionado

A rotina dos gestores logísticos certamente envolve a busca por alternativas para otimizar os processos da área, assegurando a qualidade e maximizando os retornos financeiros da operação. Neste contexto, ao encontrarem uma solução promissora, é comum que os líderes se façam uma pergunta: o que é frete fracionado de cargas?

O termo é utilizado para descrever uma modalidade de escoamento e pode significar uma economia importante em procedimentos logísticos. Se você procura mais informações a respeito, não deixe de ler o conteúdo abaixo! O texto traz dados relevantes sobre o conceito e sobre o cálculo de frete fracionado de cargas.

Boa leitura e bom aprendizado!

Entendendo os termos logísticos: o que é frete fracionado de cargas

Não é totalmente incomum que os gestores logísticos se sintam um pouco confusos quando confrontados com termos da área. Afinal, muitas expressões são utilizadas para designar as particularidades dos processos que compõem a atividade.

O frete fracionado de cargas, por exemplo, descreve remessas em quantidades pequenas — e que, se enviadas sozinhas, seriam insuficientes para completar o veículo de entregas, onerando demasiadamente o fluxo de escoamento de itens.

Ao optar por essa modalidade de serviço, o embarcador arca apenas com o custo proporcional ocupado por sua carga, evitando que haja ociosidade no transporte. Assim, o custo cai consideravelmente e corresponde apenas ao que foi, de fato, enviado ao cliente.

Powered by Rock Convert

Na prática, o frete fracionado de cargas torna os gastos logísticos de escoamento mais previsíveis e homogêneos, além de mais enxutos. Além disso, o gestor não precisa aguardar o preenchimento do veículo para efetivar a entrega, assegurando a agilidade do serviço.

Cálculo de frete fracionado de cargas: os cálculos e suas variáveis

O cálculo de frete, quando na modalidade fracionada, é baseado no rateio dos custos entre as diversas empresas que utilizarão o veículo para escoar suas mercadorias.

O valor a ser pago à transportadora, como já foi mencionado, corresponde ao espaço ocupado pela mercadoria no veículo, de acordo com o volume e peso dos itens.

Mesmo que o frete seja compartilhado, algumas variáveis podem impactar no valor que deve ser pago. Dentre elas, estão, por exemplo:

    • a distância a ser percorrida pelo veículo de entrega, uma vez que distâncias maiores incorrem em custos maiores;
    • o peso e/ou o volume da mercadoria transportada, já que quanto maior for o espaço ocupado, maior será o custo da entrega;
    • o valor da mercadoria, considerando que é comum haver cobrança de uma porcentagem sobre o valor da nota fiscal;
    • o prazo de entrega, uma vez que despachos urgentes costumam ter acréscimo no valor do frete;
  • as taxas adicionais, tais como seguro da mercadoria e pedágios até o destino (que também são rateados entre as empresas que ratearam o veículo).

Diante disso, não seria equivocado dizer que a modalidade de frete fracionado é bastante viável e atrativa, gerando economia às empresas que a adotam, tanto do ponto de vista do embarcador quanto do ponto de vista do transportador.

Agora que você já entendeu um pouco mais sobre o que é frete fracionado de cargas, é hora de ponderar se a estratégia é coerente na sua operação. Invista e otimize os recursos do seu negócio!