Publicado em 16/05/ 2022

Entenda de uma vez a diferença entre logística e Supply Chain

Se você é um empresário do setor logístico, precisa entender sobre os processos de logística e supply chain, uma vez que as atividades que envolvem esse setor representam elos de uma importante cadeia de suprimentos.

Sua empresa precisa ser capaz de realizar e prestar serviços de forma eficiente e organizada. Para que isso aconteça, você precisa conhecer e implementar em seu negócio a logística e Supply Chain, também conhecido Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos.

É importante não confundir os dois termos: logística e supply chain são coisas diferentes.

São similares e se complementam, mas possuem definições e diferenças entre si. O mais importante é que, quando os processos estão bem alinhados e bem gerenciados, a empresa consegue otimizar essa rede de suprimentos.

Isso resulta em ganho de tempo e rentabilidade. Fatores essenciais dentro de uma empresa.

O principal foco da logística e supply chain é otimizar o processo logístico, integrando todas as rotinas envolvidas na movimentação de bens e insumos.

Precisa entender melhor sobre logística e supply chain para aplicar na sua empresa? Então este artigo é justamente para você.

Definição e função da logística

O significado principal de logística é organização e contabilidade. Possui origem francesa e é a ciência que planeja e realiza inúmeros projetos.

O conceito de logística tem base nas estratégias de guerra, como o controle e gestão do estoque, manutenção e distribuição de diversos materiais como alimentos, armas, remédios, roupas, transportes, entre outros.

A partir da década de 70, a logística se fortaleceu no meio empresarial, através do estoque e distribuição de produtos e de matérias-primas. A partir disso, ela passou a se tornar um processo fundamental nas empresas.

O setor logístico é o responsável pelo gerenciamento de todos os recursos materiais das empresas, focando em um planejamento eficiente, estoque e transporte dos mais diversos produtos.

Com o passar dos anos e com o avanço da tecnologia, foi implementado o conceito de logística integrada, onde o supply chain se envolve no conceito da logística, buscando a máxima integração de todos os processos envolvidos.

Definição e função de Supply Chain

Já o Supply Chain é um processo que representa um ciclo, que se inicia com a fabricação de um determinado produto e termina no momento da entrega ao consumidor ou cliente final.

Ou seja, envolve diversas etapas que precisam ser executadas de forma integrada e organizada, principalmente dentro das empresas logísticas.

Para que essa integração ocorra de forma correta, é preciso ter em mente que a supply chain é constituída por diferentes empresas (elos), e envolvem diversas atividades dentro da operação.

O supply chain ou também conhecido SCM (Supply Chain Management), tem como principal função assegurar uma integração eficiente entre todos os elos existentes. É um processo fundamental em toda empresa que deseja melhorar o sistema operacional e garantir vantagem competitiva.

As atividades que fazem parte do supply chain são as relacionadas a compras, inventários, depósito de mercadorias, satisfação do cliente, entre outras.

Portanto, se bem aplicado, esse tipo de processo reduz custo na fase de produção, inova processos e entrega produtos e serviços com mais qualidade aos clientes da sua empresa.

Principais funções e benefícios do Supply Chain

As principais funções do supply chain são:

Já os principais benefícios que podemos citar, são:

  • Redução de custos;
  • Qualidade na entrega;
  • Melhoria da pontualidade;
  • Oportunidade no mercado;
  • Profissionalização do trabalho;
  • Redução de desperdícios;
  • Melhoria na satisfação do cliente.

Qual a diferença de logística e Supply Chain?

De maneira geral, os dois conceitos estão intimamente associados, especialmente no que diz respeito ao gerenciamento e aos processos internos das empresas.

Por isso, é comum a confusão entre logística e supply chain. Apesar de estarem interligados, eles não são sinônimos.

No supply chain há a gestão dos produtos, buscando organizar a estrutura e garantir o funcionamento efetivo em todos os processos existentes.

Enquanto a logística é uma das etapas que existe dentro do supply chain. Trata de uma abordagem mais prática, relacionada a movimentação física do produto, acompanhar o transporte dos produtos da empresa, tanto internamente, quanto a entrega até o consumidor final.

Ou seja, logística e supply chain atuam em conjunto, um dependendo do outro, fazendo com que, quando há ausência de um bom desenvolvimento na logística, toda supply chain fica prejudicada.

Qual a relação entre Supply Chain e logística?

relação entre supply chain e logística

A principal ideia é gerenciar a logística para que se torne possível obter uma visão mais ampla. Esse objetivo pode ser alcançado por meio de um sistema inteligente, que controla o fluxo logístico e todas as outras atividades envolvidas.

As demais áreas que compõe esse conceito, são:

  • Movimentação de materiais;
  • Administração de materiais;
  • Distribuição física.

A gestão do supply chain se desenvolveu a partir da logística. Isso aconteceu porque o objetivo do gerenciamento é garantir a integração de madeira eficiente entre todos os processos que ocorrem ao longo da supply chain.

Ou seja, enquanto a logística se preocupa com a compra, o armazenamento e o transporte, do local de origem até o consumidor final, a cadeia de suprimentos possui visão estratégica e completa dos processos.

Por que técnicas de logística e Supply Chain são importantes?

técnicas de logística e supply chain

Você já entendeu a diferença entre logística e supply chain. Esse é um passo importante que você já deu, pois cada um desses elementos tem valor e significado fundamentais dentro de uma empresa.

Ambos têm a ver com a qualidade da produção e dos serviços, o que influencia diretamente a satisfação dos seus clientes.

Logística e supply chain se complementam e estão ligados à trajetória do produto. Ou seja, uma gestão da cadeia de suprimentos que visa garantir que os processos fluam da melhor maneira possível, com o auxílio da logística.

Logística e supply chain são extremamente importantes por estarem ligadas ao planejamento e à execução dos procedimentos.

Em outras palavras, a união destas duas áreas aprimora o trabalho de uma empresa e torna o processo de vendas mais qualificado e coeso.

Para ter melhores resultados, você deve desenvolver essa gestão de suprimentos como um todo, maximizando os efeitos positivos de todas as etapas e do seu negócio.

Como aplicar o Supply Chain na sua operação?

aplicação do supply chain

A melhor forma de introduzir o supply chain na operação de sua empresa e garantir o aprimoramento desse sistema dentro do seu negócio, é por meio da terceirização da logística e da cadeia de suprimentos.

Estes são processos complexos, e sua implementação fica mais fácil e rápida quando executada por pessoas que já possuem conhecimento na área.

Para que você tenha sucesso na implementação do supply chain, é preciso que os setores trabalhem de forma integrada e eficiente.

Portanto, estar amparado por uma empresa ou instituição que ofereça estes profissionais treinados, tornará os processos padronizados e alinhados, juntamente com as tecnologias empregadas no setor e com práticas bem alinhadas de mercado.

Essas empresas terceirizadas podem oferecer soluções como diligenciamento de fornecedores, que garantem uma melhor produtividade e eficiência no desempenho das atividades exercidas.

Empresas especializadas contam ainda com serviços de logística que solucionam desafios operacionais com maior segurança e agilidade, além de reduzir custos e riscos.

Porém, para que você entenda de forma simplificada, veja algumas boas práticas que devem ser implementadas em seu negócio para um bom gerenciamento de logística e supply chain:

  • Integre os processos;
  • Estabeleça uma rede ampla e confiável de fornecedores;
  • Estabeleça o Supply Chain Management;
  • Relacione armazenagem, estoque e transporte;
  • Fique atento às exigências dos consumidores;
  • Utilize as métricas para mensurar os resultados;
  • Mapeie os processos;
  • Foque no planejamento estratégico.

Conclusão

Agora você já compreendeu a diferença entre logística e supply chain, e sabe como cada uma é importante para o bom funcionamento e gestão do seu negócio. Entender isso torna as diferenças e semelhanças mais claras e fica fácil compreender os papéis de cada uma dessas áreas.

Enquanto a logística é responsável pela integração dentro da empresa, a supply chain cuida do gerenciamento entre as organizações. Suas abrangências também possuem processos diversos, mas ambas são essenciais para o sucesso do processo global.

Lembre-se de evitar os principais erros que afetam o bom desempenho da operação, que são: não mapear os riscos da operação, não prestar um atendimento de qualidade, deixar de avaliar as demandas do mercado e não estabelecer uma comunicação eficiente.

Por meio da aplicação e contratação de uma empresa especializada para a implementação do supply chain, fica mais fácil de criar soluções e detectar problemas. Por isso, lembre-se de procurar uma empresa de confiança experiente no mercado.

Mas se você não está preparado para contratar uma empresa especializada em logística e supply chain, mesmo assim pode começar a implementar os processos necessários.

Para isso, siga todas as dicas desse artigo e comece a implantação aos poucos. Dentro de algum tempo, você já verá os resultados positivos dentro da empresa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Compartilhe este conteúdo
Facebook
WhatsApp
LinkedIn
F-azul-transp.png

Seja um assinante Frete com Lucro e receba conteúdos exclusivos.